Você está aqui: Página Inicial > O Ifal > Assistência Estudantil > Políticas
conteúdo

Políticas

por Jhonathan Pino publicado 13/03/2019 10h38, última modificação 24/07/2019 09h14

As ações da Assistência Estudantil (AE) no Ifal têm se configurado como uma política institucional desde 2010. A regulamentação inicial foi criada por uma equipe multiprofissional da Instituição, por meio da Resolução n°25/CS, em 19 de julho de 2010. A primeira atualização da PAE ocorreu mediante a Resolução n°22/CS, de 8 de agosto de 2011. Em 2012, foi criado o Fórum Permanente de Assistência Estudantil (Forpae), instância democrática, de caráter consultivo e propositivo, que se constitui como um espaço de discussão para tratar das questões relacionadas à PAE/Ifal. A segunda revisão foi aprovada pela Resolução n° 54/CS, de 23 de dezembro de 2013, e finalmente em 11 de dezembro de 2017 é aprovada pelo Consup a Resolução nº16/CS, em vigor no momento.

 As ações de Assistência Estudantil estão fundamentadas no Programa Nacional de Assistência Estudantil – PNAES, instituído pelo Decreto nº 7.234, de 19 de julho de 2010, desenvolvendo-se nas seguintes áreas: moradia estudantil; alimentação; transporte; atenção à saúde; inclusão digital; cultura; esporte; creche; apoio pedagógico; Núcleo de Estudos Afro-brasileiros e Indígenas (Neabi), além do acesso, participação e aprendizagem de estudantes com deficiência, transtornos globais do desenvolvimento, altas habilidades e superdotação.

 Diretoria de Políticas Estudantis (DPE)

À Diretoria de Políticas Estudantis compete assessorar a Pró-Reitoria de Ensino (Proen), em articulação com a Pesquisa e a Extensão, no planejamento, desenvolvimento e avaliação das Políticas Estudantis, na perspectiva da inclusão social, da formação ampliada, da produção de conhecimento, da melhoria do desempenho acadêmico e de qualidade de vida, sistematizando as informações e consolidando as ações realizadas.

 Coordenação de Assistência Estudantil (CAE)

Coordenar as ações de Assistência Estudantil, auxiliando no planejamento, desenvolvimento, controle e avaliação de planos, programas e projetos, visando oferecer o apoio necessário à permanência do aluno na Instituição.

 Coordenação de Ações Inclusivas (CAI)

Responsável pelo planejamento, assessoria, coordenação e promoção das políticas de educação inclusiva, por meio de ações que envolvam a acessibilidade física, atitudinal, metodológica, instrumental, programática e comunicacional.

Coordenação de Projetos de Políticas Estudantis (CPPE)

Elabora, implementa e monitora plano de gestão de projetos relacionados às Políticas Estudantis, por meio de ações de articulação institucional; promove o desenvolvimento de projetos alinhados ao PDI.