Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Sete técnicos e dois docentes tomam posse nesta quarta-feira, 18

Notícias

Sete técnicos e dois docentes tomam posse nesta quarta-feira, 18

Duas entre as enfermeiras empossadas já eram servidoras da instituição

por Jhonathan Pino - jornalista publicado: 18/12/2019 12h43 última modificação: 19/12/2019 19h08

A diversidade de origens e cargos ocupados marcou a cerimônia de posse realizada pelo reitor Carlos Guedes, nesta quarta-feira, 18. Vindos de diferentes estados da região Nordeste, muitos deles relataram suas experiências com Rede Federal de Educação Profissional e Tecnológica.

Maria Cícera de Cerqueira e Cristhiane Nathália Pontes de Oliveira, por exemplo, já eram auxiliares de enfermagem do Instituto Federal de Alagoas (Ifal), nos campi Batalha e Maceió, respectivamente. Agora, em um novo momento profissional, elas passam a ocupar um novo cargo, de enfermeiras. “Eu havia passado nos dois cargos, no mesmo concurso e assumido a primeira vaga em Batalha, mas esperava para assumir a vaga de Enfermeira no Campus Piranhas”, disse María Cicera. A sua colega de profissão, Cristhiane passa a atuar no Campus Murici.

A terceira enfermeira a tomar posse no mesmo dia foi Débora Amorim de Vasconcelos, que pediu vacância na prefeitura de Chã Preta, para assumir a vaga do Campus Santana de Ipanema. A unidade ainda recebe assistente social Thayse Janaina Barros, egressa do Campus Maceió que comentou sua relação antiga com o instituto.Reitor Carlos Guedes, diretores das unidades e gestão (em pé) recebem nove servidores empossados nesta quarta-feira, 18

“Apesar de ser de Rio Largo, município próximo à capital, o instituto mudou minha perspectiva de vida. Provavelmente, se eu não tivesse estudado no Ifal, não teria feito uma graduação em Serviço Social. Eu sou fruto dessa educação transformadora”, comentou Thayse.

Outro aluno da rede federal a tomar posse é Izael Pereira de Oliveira da Silva. Natural de Delmiro Gouveia, ele saiu de seu município para estudar no Instituto Federal da Bahia (IFBA) e agora assume o cargo de assistente em administração, no Campus Piranhas.

Completam a lista de técnicos administrativos empossados nesta quarta-feira, o nutricionista do Campus Palmeira dos Índios, Suank Alves de Melo, e o médico psiquiatra Jorge Luis Bezerra Guedes, que apesar de alagoano, estava atuando no estado da Paraíba.

Docentes nomeadas já atuavam como substitutas na rede

Além da enfermeira e da assistente social, o Campus Santana do Ipanema será beneficiado com a entrada da professora Madiã Marcela Fenandes Vasconcelos. Ela irá atuar na área de Administração, dos cursos técnicos ofertados pela unidade. Paraibana, Madiã disse que já atuava no Instituto Federal da Paraíba (IFPB), como substituta, e desde então vem percebendo o papel transformador da rede na vida das pessoas.

Do Campus Feira de Santana, do Instituto Federal da Bahia (IFBA), veio a professora Ellen Lima de Lima, que agora assume o cargo efetivo na docência, no Campus Maceió. Lá ela onde atuará na área de eletrotécnica. “Eu quero trabalhar para contribuir com essa proposta de transformar vidas”, pontuou.

Motivação para transformar vidas

Presente à cerimônia, a diretora de Gestão de Pessoas, Adriana Nogueira disse esperar que a motivação presente entre os novos servidores, no momento da posse, continue por toda a trajetória deles na instituição, “porque vocês irão exercer um papel fundamental na formação de nossos alunos”, comentou.Entre Wellinton Spencer, Adriana Nogueira, Stella Albuquerqre, Gilberto Neto e Edja Laurindo, Carlos Guedes lembra que o investimento em educação é alto porque os desafios são enormes

Adriana foi completada pela pró-reitora de Ensino, em exercício, Stella Albuquerque, que falou sobre o privilégio de atuar numa atividade estável, bem remunerada e que possibilita a formação continuada dos servidores.

“Nós estamos aqui numa instituição plural, complexa e diferenciada. Uma coisa é certa nessa instituição centenária: nós exercemos nossas atividades em prol do desenvolvimento pessoal de nossos estudantes”, enfatizou.

Ao apresentar um panorama da instituição, o reitor Carlos Guedes lembrou que o Ifal faz parte de uma rede de 41 instituições ofertando educação pública, gratuita e de qualidade. “É muita felicidade receber aqui ex-alunos da rede federal. Mais de 70% de nossos alunos são oriundos de escolas públicas, são cidadãos de origem humilde, que têm dificuldades para chegar ao Ifal. Eles vêm a pé, de ônibus, carona, ou às vezes saem de bicicleta de suas cidades para assistir aula em nossas unidades”, relatou.

A posse ainda contou com o secretário-executivo do Ifal, Wellington Spencer, a pró-reitora de Desenvolvimento Institucional, Edja Laurindo, além dos diretores dos campi Maceió e Santana do Ipanema, respectivamente Damião Augusto e Gilberto Neto.

registrado em: ,