Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Sabores da culinária regional entram no cardápio do Conac 2017

Notícias

Sabores da culinária regional entram no cardápio do Conac 2017

por Roberta Rocha publicado: 14/09/2017 15h15 última modificação: 16/09/2017 10h11
Exibir carrossel de imagens Estudantes e docentes do curso técnico de cozinha ofereceram sessão de degustação

Estudantes e docentes do curso técnico de cozinha ofereceram sessão de degustação

Não é todo dia que se tem a chance de provar um caldinho de maçunim, iguaria típica da gastronomia alagoana, preparado por mãos habilidosas no serviço de alimentação. Mas quem estava no Campus Satuba, nesta quarta-feira, 13,  prestigiando o segundo dia de atividades do Congresso Acadêmico do Instituto Federal de Alagoas - Ifal, não deixou a oportunidade passar e experimentou as delícias oferecidas pelas estudantes do curso técnico de cozinha do Campus Marechal Deodoro, na sessão de degustação idealizada pela Pró-Reitoria de Ensino da instituição.

Participantes do Conac provaram os pratos oferecidosO menu contou ainda com escondidinho de charque, destaque da culinária nordestina, além de hamburguer caseiro e cachorro quente, tudo disposto em uma mesa para apreciação dos provadores.

Antes de os convidados começarem a se servir, a feição da aluna Josete Florêncio era de apreensão. Aos 47 anos, ela é a aluna mais velha da turma, no curso técnico de cozinha, e temia não agradar pela simplicidade do cardápio. "Fiquei nervosa porque cada pessoa tem um paladar diferente. Mas o importante é que a gente faz com amor, com cuidado, com higiene", declarou.

A aluna do 5º ano do curso técnico de cozinha, Josete Florêncio, comemorou a boa receptividade de quem provou os quitutes da sessão de degustaçãoEssa foi a primeira vez que a Tia Jô, como é chamada a estudante, participou de um evento acadêmico fora da unidade de ensino que frequenta. Ela é emprega doméstica, trabalha durante o dia e, pela noite, resolveu buscar qualificação nas salas de aula do Ifal. "Ainda bem que o pessoal aqui foi receptivo e, pela rapidez com que acabou tudo, acho que gostaram", falou, aos risos.

O discente Mykael Almirante, do 3º ano de Agroindústria do Campus Satuba, confirmou a impressão. "Estava tudo delicioso e bem organizado". Para a professora Fátima Amorim, uma das responsáveis pela sessão de degustação, a escolha do cardápio foi acertada. "A proposta era trazer pratos que fossem práticos e econômicos. Deu certo", apontou.

Professor Thiago Maia ministrou oficinaOficinas de culinária - Também compuseram a pauta do 2º dia do Conac 2017, oficinas de culinária conduzidas por representantes dos campi Murici e Marechal Deodoro. Na ocasião, o professor Thiago Maia, outro profissional que orientou a atividade das alunas do curso técnico de cozinha, expôs sua vivência com elaboração de cardápios e técnicas de finalização junto ao setor hoteleiro da Barra de São Miguel. Já as iniciativas vinda de Murici abordaram aproveitamento integral de alimentos e de matérias-primas locais em casos de assentamentos rurais.

registrado em: