Você está aqui: Página Inicial > Campus > Site > Maragogi Notícias > Mais de 570 alunos disputam medalhas em Olimpíada de Biologia

Notícias

Mais de 570 alunos disputam medalhas em Olimpíada de Biologia

Primeira fase da competição nacional ocorre em sete campi do Instituto Federal de Alagoas . As provas começaram nesta sexta (22)

por Bartolomeu Honorato publicado: 22/03/2019 16h51 última modificação: 22/03/2019 16h51
Exibir carrossel de imagens Em Murici, provas ocorrem nos períodos da manhã e tarde

Em Murici, provas ocorrem nos períodos da manhã e tarde

Mais de 570 alunos do Instituto Federal de Alagoas participam da primeira fase da XV Olimpíada Brasileira de Biologia (OBB), competição que reúne estudantes de escolas públicas e privadas do país. Os alunos dos campi de Maragogi, Murici, Palmeira dos Índios e Penedo responderam a prova, nesta sexta-feira (22). O exame ainda será aplicado, às 8h, deste sábado (23), em Arapiraca e em Maceió. Na segunda-feira (25), ocorre em Marechal Deodoro, às 14h.

Em sua primeira competição de Biologia no campus Maragogi, Wesley dos Santos Diegues, 19 anos, avaliou que as questões estavam bem elaboradas e cobraram conteúdos que ele já viu em sala de aula, no Instituto. “Eu acredito que dá para acertar 20 das 30 questões, pois eu as respondi de forma bem consciente; mas havia dois assuntos, que caíram e eu não lembrava”, analisou. Em Maragogi e em Murici, o exame foi aplicado nos turnos da manhã e tarde, em salas de aulas. Em Palmeira dos Índios e em Penedo, ocorreu no auditório desses campi.

Na preparação para a primeira fase, Wesley revisou assuntos passados pelos professores na sala de aula, desde o começo deste ano. “Quando você se empenha nos estudos e participa das aulas, você tem a chance de se dar bem numa prova como essa e no Exame Nacional de Ensino Médio (Enem), porque o Instituto tem bons professores e estrutura para preparar o aluno”, disse. Em anos anteriores, Wesley havia participado de torneios nacionais de Física e Matemática.

Para o professor de Biologia Joabe Gomes de Melo, a OBB é uma oportunidade de o aluno medir como estão seus conhecimentos em assuntos do ensino médio, nessa disciplina. “Os participantes têm diversas motivações nas Olimpíadas, como fazer o treinamento, em São Paulo, no Instituto Butantan, visando a terceira fase dessa competição ou até testarem seus conhecimentos, pois querem prestar vestibular em faculdades particulares ou fazer o Enem objetivando cursos de saúde e de ciências biológicas”, explicou.

Conforme regulamento, os participantes têm quatro horas para responderem perguntas envolvendo citologia, botânica, genética, ecologia, entre outros assuntos. O exame envolve três fases e a próxima será realizada no dia 28 de abril. Ela será composta de 100 quesitos de múltipla escolha, que trabalharão o mesmo assunto cobrado na primeira fase. Os alunos com as melhores notas vão representar o Brasil em torneios internacionais de Biologia.

CampusParticipantes
Arapiraca 150
Maceió 120
Maragogi 61
Murici 49
Palmeira dos Índios 100
Penedo 95