Você está aqui: Página Inicial > Campus > Site > Maragogi Notícias > Auto leva emoção ao público no primeiro dia de apresentação

Notícias

Auto leva emoção ao público no primeiro dia de apresentação

por publicado: 16/12/2017 11h10 última modificação: 16/12/2017 11h23

Emoção do início ao fim. A frase resume o que aconteceu na primeira apresentação do Auto de Natal do Instituto Federal de Alagoas (Ifal), no Centro de Maragogi (AL), nesta sexta-feira (15). Turistas e moradores da cidade viram o espetáculo que conta o nascimento de Jesus ao som de tradicionais cânticos natalinos e de danças populares do Nordeste brasileiro.

A música de abertura do seriado Game of thrones e o forró nordestino convidaram quem passava pela Praça Santo Antônio a parar para ver o espetáculo na noite desta sexta-feira. Em poucos minutos, o local já estava lotado de crianças, jovens e adultos atentos a cada momento do espetáculo. A primeira cena do Auto de Natal foi conduzida pelas pastorinhas, que trouxeram um figurino baseado na Idade Média e dançaram as músicas que contam a chegada de Jesus com alguns movimentos de balé clássico.

Em seguida, profetas ‘loucos’ e trovadores narraram o que diz a Bíblia sobre o nascimento do messias, os milagres que ele faria na terra e a perseguição que sofreria no mundo. Um dos pontos altos do espetáculo foi quando o governador Herodes mandou assassinar todos os bebês judeus para impedir o nascimento de Jesus. Na peça, mulheres entraram em desespero ao saberem que teriam seus filhos mortos a mando do governador.

A professora Madalena de Lima se surpreendeu com o que viu na apresentação dos estudantes. Para ela, o repertório musical estava bem elaborado e a atuação dos atores no palco não deixou a desejar. “Eu me emocionei.Tudo estava bem feito, mas  eu gostei mais da parte final, quando todos os atores se juntaram no palco e comemoraram o nascimento de Jesus na manjedoura e cantaram a música anunciação”, declarou a professora, que já acompanha o espetáculo desde 2016.

O coordenador e encenador do espetáculo, professor Ricardo Araújo, explica que a peça o visa a reflexão de temas, como solidariedade, respeito e amor ao próximo. Tudo isso por meio da linguagem do teatro, da música e da dança. Nós queremos comunicar às pessoas a importância de ser solidário com as outras e ter respeito por elas. Usamos o acontecimento marcante do nascimento de Jesus para essa comunicação com o público”, detalhou.

 No dia 20 desse mês, o Auto se apresenta em São Luís do Quitunde. No dia 22, Porto Calvo recebe a última apresentação dos estudantes do Ifal de Maragogi.