Você está aqui: Página Inicial > Campus > Site > Maragogi Notícias > Curso de Raciocínio Lógico fecha turma preparatória para concursos

Notícias

Curso de Raciocínio Lógico fecha turma preparatória para concursos

por Bartolomeu Honorato publicado: 12/12/2017 10h54 última modificação: 12/12/2017 11h29

A terceira edição do curso de Raciocínio Lógico-Matemático (RLM) do Instituto Federal de Alagoas (Ifal) terminou nesta segunda-feira (11), no campus Maragogi. Os estudantes receberam o certificado de conclusão das aulas, que abordaram conteúdos voltados para concursos públicos de diversos níveis e para aprofundamento em Raciocínio Lógico-Matemático.

Os estudantes aprenderam técnicas para resolver rápido as questões de RLM e aumentaram a percepção na hora de resolver problemas, sejam de concursos públicos, do Exame Nacional de Ensino Médio (Enem) ou de exercícios apresentados pelos professores nas turmas de ensino médio. O estudante do curso técnico de Agroecologia, José Rodrigo de Azevedo Mota, 20 anos, sentiu esse aprimoramento no conhecimento da disciplina ao participar do preparatório.

“A resolução de sequências lógicas está visível às vezes. Em outras, está subentendida, como é o caso da sequência J, F, M. A gente percebe que ela está colocando a inicial dos meses do ano e já notamos que a próxima é a letra A. Isso que aprendi já poderei usar na monitoria da disciplina”, exemplificou o estudante, que é monitor de Matemática do Ifal Maragogi.

O curso de RLM faz parte do projeto de extensão do professor Sívio Orleans Cruz, que já tem 31 anos de experiência na área de RLM. As aulas são voltadas para a comunidade interna e externa ao Ifal Maragogi. “Temos estudantes do 3º ano em diante do ensino médio, quem se prepara para fazer concursos públicos e até professores de escolas públicas de São José da Coroa Grande (PE)”, declarou.

O preparatório de Raciocínio Lógico-Matemático compreende seis aulas, mas a terceira edição contou com oito. Segundo o professor de Matemática, parte do que é abordado no preparatório está nos conteúdos ministrados nos ensinos fundamental e médio e outra não está presente nessas duas modalidades de ensino. “É um assunto que é presente quando se estuda Matemática mais a fundo. Os alunos veem argumentação, tabela-verdade e conectivos lógicos, entre outros”, detalhou.

O curso tem três horas e meia de duração e ocorreu todos os dias na sede do campus do Ifal, na praia de Peroba, em Maragogi. Em 2018, a expectativa é que a primeira edição dele seja realizada no início do ano letivo.